novembro 02 2018 0comment

Projeto Massificação populariza o tênis no Nordeste

Ativo há sete meses na região de Recife, Pernambuco, o Projeto Massificação, iniciativa do Instituto Tênis, instituição sem fins lucrativos que apoia o desenvolvimento do tênis nacional, já alcançou cerca de 2.500 crianças na região. O objetivo do projeto é popularizar a modalidade e, sobretudo, gerar valores através do esporte, como educação, disciplina e comportamento.

O núcleo de Recife atende atletas com idades de 6 a 16 anos, provenientes das escolas municipais Professor Manoel Torres, Nossa Senhora Da Penha e Karla Patrícia e de duas instituições particulares, o Colégio Santa Maria e o Boa Viagem. Também participam crianças pertencentes ao Centro Comunitário da Paz – Compaz e da Academia Squash Tennis Center.

A ação dispõe de 20 professores voluntários, que são responsáveis por apoiar os jovens em todas as atividades realizadas. “A ideia é apresentar o tênis para o maior número de crianças possíveis no ensino fundamental I, ou seja, crianças de 6 a 11 anos, oriundas, em sua maioria, de escola públicas”, explica Davi Barros, Coordenador do Núcleo Recife.

“Depois que nós divulgamos bastante o tênis nas escolas,  nós conseguimos que 155 crianças estejam atualmente fazendo aulas regularmente duas vezes por semana, às Segundas e Quartas-Feiras na Squash e Terças e Quintas-Feiras no Compaz – um centro comunitário da prefeitura que visa realizar ações sociais para a comunidade, a fim de reduzir a violência. Agora, nós já estamos vendo a possibilidade de oferecer mais aulas para essas crianças, para que elas continuem evoluindo para no próximo ano já começar a disputar torneios regionais e nacionais”, reitera Davi.

Além de Recife, o Projeto Massificação, que já atingiu cerca de 30 mil crianças em todo o Brasil durante os 5 anos de existência, também conta com núcleos em Barueri, Araras, Osasco, Mogi das Cruzes, Franca e Santana de Parnaíba, no estado de São Paulo, Brasília, no Distrito Federal, Porto Alegre, no Rio Grande do Sul e Cabo Frio, no Rio de Janeiro. A meta é atingir 500 mil jovens até 2033.

Atualmente, a iniciativa está em fase de captação de recursos. Por ser um projeto via Lei de Incentivo ao Esporte, pessoas físicas, assim como pessoas jurídicas, podem doar parte do imposto de renda devido para viabilizar o projeto. Para saber mais sobre como fazer uma doação, entre em contato com pedro@institutotenis.org.br.